A+ A- Alto Contraste
Notícias
04 de janeiro de 2017 as 08:26 / Saúde

ALERTA : Novo foco de AEDES AEGYPTI em Estação

A Secretaria de Saúde de Estação comunica que por causa do calor e das últimas chuvas houve grande proliferação de mosquitos, e que foi encontrado novo foco de Aedes aegypti no bairro São Pedro. As Agentes de Saúde estão realizando trabalhos de campo para eliminação de possíveis focos.

Pedimos colaboração da comunidade em aceitar e seguir as orientações para eliminação de reservatórios de água.

Cada cidadão deve tomar a iniciativa de manter a comunidade em segurança, juntando os materiais que podem servir de criadouros das larvas e que estão em locais de convivência comum, cuidando de suas casas, pátios e arredores; auxiliando pessoas da comunidade que possam ter dificuldade de fazer este cuidado.

Revisar em sua casa, por exemplo:

  • se os vasos de flores têm areia em seus pratinhos,
  • se vasilhames, piscinas, lonas de cobertura de piscinas, lixo ou pneus em seus pátios que possam reter água da chuva, e se existir, eliminá-los;
  • limpar semanalmente os coletores de água das geladeiras,
  • verificar as calhas da casa, principalmente depois de temporais;
  • verificar as caixas d’água e/ou reservatórios se estão com suas tampas bem fechadas, e colocar tela fina no respiro destas caixas;
  • verificar as lonas que cobrem as pilhas de lenha ou de outros materiais não possuem locais de acúmulo de água;
  • furar o fundo dos vasos ao levar flores no cemitério para que não acumule água;
  • enfim, devemos eliminar todo e qualquer lugar que possa oferecer abrigo aos mosquitos.
  • verificar e limpar semanalmente ralos das pias e do chuveiro, vasos sanitários, mesmo das peças que não estejam sendo usadas.

 

mosquito-da-dengueLembramos que no código penal há previsão de punição dos crimes contra saúde pública:

Epidemia

Art. 267- Causar epidemia, mediante a propagação de germes patogênicos:

Pena – reclusão, de 10 (dez) a 15 (quinze) anos.

  • 1º – Se do fato resulta morte, a pena é aplicada em dobro.
  • 2º – No caso de culpa, a pena é de detenção, de 1 (um) a 2 (dois) anos, ou, se resulta morte, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos.

 

Infração de medida sanitária preventiva:

Art. 268. Infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa:

Pena – detenção, de 1 (um) mês a 1 (um) ano, e multa.

 

Lembre-se que cuidando da sua casa você estará protegendo você, sua família, seus amigos, vizinhos e toda a comunidade!!!

Faça a sua parte!!!


Notícias Semelhantes
Estação/RS
Rua Fiorello Piazetta, 95 - CEP: 99930-000
Telefone: (54) 3337.1166 / 1164
E-mail: protocolo.pmestacao@gmail.com
Expediente:
8:30 às 11:30 e 13:30 às 17:30
Redes sociais